Envie messagem WhatsApp
Agende sua consulta (clique aqui)

Psicóloga online - Psicoterapeuta Amanda Amarante

Comece o seu processo de transformação com a psicoterapia.

Agende sua sessão online.

Agende sua consulta

Comece o seu processo de transformação com a psicoterapia.

Agende sua psicoterapia em Curitiba.

Agende sua consulta

Vantagens da psicoterapia online

  • Cuidar de si sem precisar sair de casa, principalmente quando deslocar-se representar uma dificuldade
  • Liberdade de escolher seu terapeuta, pois a comunicação online permite acessar variados profissionais, não importa a distância;
  • Economia de tempo pois vai evitar deslocamento, e de dinheiro, pois não é necessário gastar com transporte;
  • Neutralidade e anonimato garantido, beneficiando quem não se sente confortável em se consultar com o terapeuta da mesma cidade por exemplo;
  • Acessibilidade: a internet facilita para quem tem dificuldade com locomoção ou mobilidade reduzida;
  • Continuidade: de forma online, você pode manter a terapia de forma recorrente, mesmo em viagem;
  • Sustentabiliade: economiza energia e combustível.

Fonte: Steal The Look


Orientações para a psicoterapia online

  • Reserve um espaço com privacidade, onde não seja interrompido e garanta o sigilo da sua sessão;
  • Procure utilizar fones de ouvido;
  • A sua internet deve suportar a comunicação online, faça um teste antes da sessão (WhatsApp ou Skype);
  • Esteja em posição de atendimento, não fique deitado, comendo ou distraindo-se com o seu ambiente, isso pode prejudicar o seu atendimento.


Por que fazer psicoterapia?

Se você chegou neste site é porque provavelmente, consultar com um psicólogo passou a ser uma possibilidade para você ou para alguém que você conheça e precisa de ajuda, portanto avalie com atenção essa necessidade.

Quando você está diante de uma dificuldade emocional persistente, onde não consegue resolver sozinho, sente-se esgotado e começa perceber prejuízos em diferentes aspectos da sua vida, o mais assertivo é procurar por suporte técnico qualificado, neste caso, o profissional psicólogo.

Diante do sofrimento, um amigo pode ouvi-lo e trazer algum consolo, mas não tem condições de fazer uma avaliação psicológica que considere aspectos mais amplos, de ordem biopsicossocial, de forma a compreender o seu momento de vida e identificar se há necessidade de suporte profissional.

No processo psicoterapêutico o psicólogo avalia cuidadosamente a queixa do paciente e caso esteja em processo de sofrimento, passa a intervir de forma a diminuir os sintomas e aliviar a sua dor emocional.

Contudo, os objetivos psicoterapêuticos podem ir além, no sentido de encorajar e capacitar o sujeito a construir uma vida que lhe permita criar novos contextos, mais enriquecedores e valiosos para si. É possível aprender a interagir com mais assertividade, aumentar o bem-estar e nutrir uma vida com mais significado e alinhada com os seus valores pessoais. Para essas situações, faz sentido procurar por ajuda técnica qualificada, neste caso, o profissional psicólogo.

Psicóloga Online


Mais sobre o porquê de fazer psicoterapia

Fazer psicoterapia tem a ver com exercer a coragem para sair do modo automático, acessar crenças, regras, estados emocionais - tudo isso são formas de comportar-se - que desenvolveu ao longo de sua vida e que o afastam dos seus objetivos atuais. Ao contrário disso, investir em autoconhecimento tem a ver com buscar desenvolver novos comportamentos que permitam acessar a vida que deseja, hoje!

Psicóloga Online


Quais problemas pode tratar?

Você pode tratar seus comportamentos, ações, atitudes que são indesejados, funcionam como barreiras, bloqueios em sua existência e em seus relacionamentos, como também, transtornos psicológicos.


1)  Todo tipo de sofrimento emocional e psicológico:

  • Dificuldade para comunicar-se, expressar o que pensa e sente;
  • Sentimentos de ser alguém inadequado, desinteressante, pensamentos que a todo tempo está sendo avaliado negativamente pelas pessoas;
  • Ansiedade, preocupação excessiva, sofrimento pela presença de pensamentos acelerados, persistentes que causam cansaço e desordem mental;
  • Alterações no sono (insônia ou sonolência excessiva);
  • Sensações físicas de profundo desconforto como sentir o coração acelerado, dor no peito, formigamento nos braços e mãos, tontura, dores de cabeça, impressão de que pode passar mal a ponto de morrer, sensação que o mundo a sua volta está diferente, medo de "enlouquecer";
  • Dores no corpo persistentes que não encontraram diagnóstico médico: dor de cabeça, dor nos ombros, pernas, região lombar, mãos, etc. Podem ser oriundas de sofrimento, tensão emocional;
  • Desequilíbrio no apetite, comer de mais ou de menos, sentimentos de culpa por relacionar-se com a comida de forma negativa;
  • Pensamentos de perseguição;
  • Problemas de atenção, concentração, memória;
  • Medo de viver situações específicas, como estar num ambiente com muitas pessoas, lugares fechados, falar em público, etc;


Mais...

  • Baixa autoestima, insegurança, pensamento de que não é bom o suficiente, não é merecedor;
  • Vive em relações abusivas;
  • Dificuldade para dizer não, posicionar-se assertivamente, desejo de agradar aos outros em detrimento, prejuízo a si mesmo;
  • Percebe-se excessivamente carente, dependente emocionalmente de outras pessoas;
  • Sente ciúmes excessivo, acaba por prejudicar os seus relacionamentos;
  • Descontrole emocional, não consegue administrar a raiva, torna-se explosivo e agressivo quando se sente provocado;
  • Mudanças repentinas de humor;
  • Falta de sentido para a vida;
  • Sentimento profundo de solidão e tristeza;
  • Pensamentos de morde, suicídio, pensamentos de desastres e atos cruéis;
  • Luto, dificuldade para elaborar a perda de alguém amado;
  • Rompimentos, separações de relacionamentos, matrimônios onde faz-se necessário o recomeço;
  • Transição de carreira, perda de um trabalho, necessidade de reorganizar a vida no aspecto profissional;
  • Dificuldade para superar experiências de sofrimento que tenham acontecido no passado.


2) Transtornos de ordem psicológica:

Os mais comuns:

  • Depressão;
  • Distimia;
  • Síndrome de Burnout;
  • Estresse Pós Traumático;
  • TAG (Transtorno de Ansiedade Generalizada);
  • Síndrome do Pânico;
  • TOC (Transtorno Obsessivo Compulsivo);
  • TBP (Transtorno de Personalidade Borderline);
  • Transtorno Bipolar;
  • Transtorno de Ansiedade Social (Fobia social);
  • Esquizofrenia;
  • Dependência química;
  • TDAH e outros.
Psicóloga Online

Quem é a Psicoterapeuta Amanda Amarante

psicologa curitiba

Psicóloga, formada pela PUC-PR, desde 2004, com registro profissional no CRP-PR 08/11100.

Atuei por 14 anos na área de gestão de pessoas, contribuindo no desenvolvimento de estratégias, com o objetivo de potencializar a qualidade da relação entre o colaborador e empregador, de forma a impactar no bem-estar das pessoas e competitividade da organização no mercado de trabalho.

Desde 2016, atuo exclusivamente no atendimento da psicologia clínica, orientada pela abordagem analítico comportamental e suas modalidades ACT, DBT E BA.

Minha formação teórica é continuamente construída na perspectiva da psicologia baseada em evidências, o que exige constante atualização ao que tem sido produzido como ciência comportamental.

Veja o currículo completo



O que dizem alguns pacientes?

Confira alguns depoimentos deixados em meu perfil do Google Meu Negócio.

"...hoje não conseguiria colocar em palavras o quanto ela foi e sempre será importante em minha vida,o quanto a admiro, hoje posso te dizer que não me arrependo nem um minuto por ter procurado terapia pra me ajudar a ressignificar coisas em minha vida..."

- Vanessa S. B. Estevão
Avaliação Avaliação Avaliação Avaliação Avaliação

"...hoje sou capaz de processar meus pensamentos e sentimentos com mais clareza e principalmente, mais calma. Me sinto cada vez mais independe nesse processo graças a didática e preocupação da Amanda em me ajudar a realmente compreender os relatos que levo, criando novas referências e me ajudando a melhorar de maneira efetiva nos comportamentos que me desagradam..."

- Maria Eduarda Vendramin
Avaliação Avaliação Avaliação Avaliação Avaliação

"Procurei a terapia um pouco relutante, mas foi surpreendente. Me ajudou de muitas maneiras, a ter uma postura mais confiante, mais segurança pessoal, a mudar a visão do que eu realmente sou, olhar o mundo de uma maneira mais otimista e leve. A Amanda é uma profissional incrível, eficiente, cativante, muito certeira em suas palavras, muito humana. Recomendo muito!"

- Caroline G.
Avaliação Avaliação Avaliação Avaliação Avaliação

Veja mais depoimentos


Dúvidas frequentes


Como marcar a consulta?

R: Você pode marcar sua consulta por mensagem do WhatsApp ou ligação para (41) 98484-0002 ou pela Doctorália.


É possível migrar para atendimentos presenciais?

R: Sim. Pacientes residentes em Curitiba - PR e região podem migrar da psicoterapia online para a presencial.


Como a psicoterapia online é realizada?

R: A psicoterapia é realizada por meio de chamadas de vídeos com aplicativos de celular como WhatsApp, Zoom, Google Meet ou Facebook Messenger. Recomenda-se uma consulta por semana, com duração de até 50 minutos em média.


Quem pode fazer terapia online?

R: Adolescentes, jovens, adultos.

Converse com a Psicóloga Amanda Amarante

Agende seu atendimento de psicoterapia online. Envie mensagem de WhatsApp, ligue ou acesse a Doctorália.

Agende sua consulta

Converse com a Psicóloga Amanda Amarante

Agende seu atendimento de psicoterapia online. Envie mensagem de WhatsApp, ligue ou acesse a Doctorália.

Agende sua consulta